Últimas Notícias
Agências do Trabalho oferecem quase 670 vagas de empregos nesta sexta-feira (8)
Sex, 10 de Setembro de 2021 14:38

 

 

Veja o quadro completo em arquivo anexo


@seteqgovpe

 

 

As Agências do Trabalho de Pernambuco oferecem quase 670 vagas de emprego nas diversas regiões. Para ser encaminhado a uma das vagas, o interessado ou interessada precisa primeiro fazer o agendamento no https://pecidadao.pe.gov.br/#/agendamento. A opção para se cadastrar para uma vaga deve ser preenchida como “intermediação de mão de obra”.

 

 
Os municípios Cabo de Santo Agostinho e do Recife se destacam nas vagas de emprego
Qua, 08 de Setembro de 2021 14:54

 

O Cabo de Santo Agostinho oferece 120 oportunidades de emprego para a população nesta quinta-feira (09). A cidade do Recife também se destaca na geração de postos, com 109. No total, 373 vagas estão disponíveis em Pernambuco, que podem ser ocupadas através das Agências do Trabalho do Estado. O ofício de repositor de mercadorias, no Cabo, está com 58 opções, exigindo ensino médio completo e seis meses de experiência anterior.


A supervisora da Agência do Cabo, Maria Tereza, disse que o ambiente positivo na geração de empregos no município se deve a alguns fatores. Entre eles, o crescimento do centro logístico da cidade, o empenho dos servidores da Agência, que fazem orientação profissional e dinâmica de grupo com os trabalhadores e buscam vagas nas empresas com determinação, bem como a parceria com a Prefeitura do Cabo.


“A gente ainda esbarra no analfabetismo funcional e na falta de qualificação, mas, mesmo assim, a gente consegue fazer uma boa colocação. É importante que as pessoas busquem terminar o ensino médio, porque raríssimas empresas estão contratando trabalhadores que não concluíram o segundo grau. Se o trabalhador estiver parado, faça um curso online, busque se qualificar e venha atualizar o cadastro na Agência. Muitas vezes a pessoa muda de endereço, altera o telefone ou faz outra qualificação, porém o cadastro continua desatualizado”, explicou Maria Tereza. “É importante que o trabalhador também faça um currículo atrativo”.


Além do Recife e do Cabo, Araripina, Arcoverde, Belo Jardim, Caruaru, Garanhuns, Goiana, Ipojuca, Nazaré da Mata, Paudalho, Paulista, Petrolina, Salgueiro, Santa Cruz do Capibaribe, Serra Talhada e Vitória de Santo Antão abrigam as oportunidades.


Para pessoas com deficiência, estão disponíveis 31 postos de trabalho, estando a maioria deles (28) no Recife. Recebem ênfase as áreas de operador de caixa e repositor de mercadorias, cada uma com 10 chances e salário de R$ 1.180,00. Caruaru e Petrolina também possuem vagas. Em Garanhuns, há 13 opções para trabalhadores temporários, como pintores de paredes ou eletricistas. Ainda, há uma opção temporária em São Lourenço da Mata.


Antes de ir a um atendimento presencial em uma unidade da Agência do Trabalho, é necessário realizar um pré-agendamento, por intermédio do site da Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco (https://www.seteq.pe.gov.br/). A SETEQ solicita que o distanciamento e o uso de máscara sejam respeitados durante a visita.

 

 
Pernambuco teve o melhor mês de julho desde 2012
Sex, 27 de Agosto de 2021 11:16

Fotos da internet

Pernambuco teve um saldo positivo de 8.931 empregos em julho deste ano, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED). Maior que o mesmo período do ano passado, quando o saldo foi de 5.570 postos de emprego. Este é o melhor mês de julho para os pernambucanos nos últimos nove anos, desde 2012. No Estado, a capital recifense foi o município onde mais empregos celetistas foram gerados, totalizando (2.216). Em 2020, nesta mesma época do ano, o Recife estava com o saldo negativo de -2.052, ainda no auge da pandemia provocada pelo coronavírus.

No acumulado do ano, de janeiro a julho, Pernambuco gerou um saldo de 28.165 empregos, contra 22.071 no ano passado. A capital, por sua vez, abriu neste mesmo período 12.473 postos de emprego. O Ceará alcançou a marca de 46.129, enquanto a Bahia ficou com o primeiro lugar, com 81.449.

Segundo o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes, é importante destacar que o Estado tem uma condição particular no tocante à safra e entressafra da cana-de-açúcar, que passa por altos e baixos ao longo do ano. E muitos dos investimentos iniciados em décadas passadas, como o Estaleiro Atlântico Sul, e obras como a transposição do São Francisco tiveram descontinuidades.

“Agora, com o Plano de Retomada anunciado pelo governador Paulo Câmara, começamos a ter esperanças. Até o próximo ano, a expectativa é de geração de 130 mil empregos, sendo 20 mil ainda neste ano com o Programa Emprego PE, que vai subsidiar a contratação de novos trabalhadores e deve começar a funcionar a partir da próxima quinzena de setembro”, destacou o secretário Alberes Lopes.

Os setores da economia que mais cresceram na geração de empregos foram: serviços (3.281), comércio (2770), agropecuária (1455) e indústria (1422). “O setor de serviços pôde respirar, bem como o comércio, depois de serem os mais afetados pela pandemia”, afirmou Alberes.

Além do Recife, outras cidades que tiveram destaque na geração de postos de trabalho foram: Petrolina (1.628), Caruaru (876), Jaboatão (684) e Olinda (381).

BRASIL - De acordo com o Novo Caged  o emprego celetista no Brasil apresentou crescimento em julho de 2021, registrando saldo de 316.580 postos de trabalho. Esse resultado decorreu de 1.656.182 admissões e de 1.339.602 desligamentos.

Em todas as regiões do Brasil, o mês de julho teve saldo positivo na geração de empregos. O Nordeste ficou em segundo lugar com 54.456 postos de trabalho (+0,83%)

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 9 de 73